Mesmo durante a pandemia do novo coronavírus, a prefeitura de Porciuncula está trabalhando para manter vivo o passado histórico da cidade. Parte da equipe da Secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, está trabalhando no resgate tanto da história do município quanto dos eventos históricos que aconteceram no município, ao longo da última década.

 

Parte da equipe está reorganizando o arquivo histórico da cidade. Segundo a Secretaria, durante a reorganização dos documentos, foram encontradas uma série de registros históricos e culturais da cidade. Dentre os acontecimentos citados, está a chegada de famílias italianas na cidade que transformou a cultura do lugar.

 

“Essa festa foi idealizada devido à importância das famílias que vieram da Itália e chegaram ao Porto do Rio de Janeiro entre 1896 e 1898 e logo instalaram-se na região fria do noroeste fluminense. Elas formaram uma importante comunidade, construindo uma história em terra estranha e uma descendência marcadas por tradições familiares e o amor por duas pátrias”.

A importância de manter viva a história

Contudo, para a Secretaría, este trabalho é muito mais do que organização. O resgate histórico representa a valorização da cultura do município e, principalmente, levar ao conhecimento da população. “A secretária de Cultura e Turismo destaca a importância do resgate histórico. “Este trabalho tem como princípio básico resgatar a memória de nosso povo e oferecer meios para que todos conheçam e valorizem os aspectos históricos do município”.

 

Além de todo o trabalho de resgate histórico da cidade, a Secretaria também está aproveitando o momento de isolamento social em que estão proibidas as aglomerações de qualquer espécie, para limpar e revitalizar as instalações do prédio histórico da Estação Ferroviária. 

 

Entretanto, de acordo com a secretária responsável pela pasta,  apesar do muito trabalho em andamento, a Secretaria está tomando todas as medidas de proteção para que os servidores possam trabalhar em segurança. “Estamos com funcionários em escalas de trabalho para evitar aglomeração e a biblioteca está fechada ao público, mas não estamos parados”.

 

Além disso, outro grupo de servidores foi destacado para trabalhar na região, auxiliando a população no cadastro do auxílio emergencial, do governo federal. “Além do trabalho interno, designamos funcionários para a Secretaria de Obras e também para atendimento ao Auxílio Emergencial”, destacou a secretária.  

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here