O Departamento de Educação da Prefeitura de Terenos-MS, utilizou ontem (26) à noite sua conta do Instagram para desmentir uma FAKE NEWS. A notícia falsa é sobre o kit merenda que está sendo distribuído para os alunos da rede municipal de ensino. Uma foto falsa do kit foi divulgada e gerou falsas expectativas na população. Na mesma postagem, o departamento incluiu a imagem verdadeira.

Fake News

Conforme levantamento do Diário Prime, ainda não existe uma legislação específica que classifique como crime a produção e divulgação de fake news relacionadas à pandemia do coronavírus, por ameaçar a saúde da população. Dessa forma, autoridades começaram a enquadrar esses casos à ‘Lei de Contravenções Penais’, tentando coibir o alastramento de notícias falsas relacionadas à COVID-19.

O texto da lei citada estabelece pena de prisão de até seis meses para quem “provocar alarma, anunciando desastre ou perigo inexistente, ou praticar qualquer ato capaz de produzir pânico ou tumulto”, contudo, na prática, a punição – quando aplicada – acaba sendo revertida em serviços comunitários ou pagamento de multa.

Outras distribuições de kits

No última dia 19, o departamento de saúde do município realizou a entrega de 118 ‘Kits de Enfrentamento e Prevenção ao COVID-19’, para os moradores do assentamento ‘Santa Mônica’.

A iniciativa objetivou preservar a saúde das pessoas do grupo de risco, pois elas não precisariam sair do isolamento domiciliar para adquirir produtos de necessidades básicas. Os agentes de saúde realizaram a entrega dos kits, que eram compostos por produtos de limpeza, higiene pessoal e alimentos considerados ‘do cotidiano’.

Naquela primeira ação foram contempladas as pessoas que estão no grupo de risco para a COVID-19, contudo, a administração municipal informou que na medida do possível, todas as famílias necessitadas serão atendidas.

Além do Kit Merenda’ e do ‘Kit de Enfrentamento e Prevenção ao COVID-19’, a prefeitura também participa do projeto ‘Cesta Básica Emergencial’, do governo estadual. Cada frente de trabalho é coordenada por uma equipe, o que implica em diferentes tipos de produtos para diferentes beneficiários, portanto, não cabem comparações entre os kits/cestas. Sob o mesmo rigor de trabalho, as equipes se comunicam, para que o maior número possível de pessoas seja atingido e não haja duplicidade nos atendimentos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here