Por meio da indicação 129/2020, o vereador e vice-presidente da Câmara Municipal de Sinop, Leonardo Viseira (Patriota), pediu para que a prefeitura do município desse retomada nas obras de construção das quatro novas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) paralisadas desde o ano passado.

Por conta do aumento dos casos de Coronavírus no estado, o parlamentar ressalta que há urgência na conclusão dessas obras o mais rápido possível, uma vez que a população necessita dos serviços públicos de saúde. As unidades estão sendo construídas no Residencial Montreal Park, Residencial Safira, Camping Club e Menino Jesus II

“São quatro UBS’s que começaram a ser construídas e que foram paralisadas. A empresa responsável pelo serviço abandonou as obras após ser investigada por CPI, pedida por mim, ainda no ano passado. O executivo precisa dar agilidade no processo e chamar a segunda colocada para continuar a construção”, disse.

O parlamentar ainda destacou que parte a obra do Camping Cub está sendo custeada com recursos destinados por ele através de Emenda Impositiva. A proposta foi aprovada por unanimidade e encaminhada à Secretaria Municipal de Saúde.

Visera teve a indicação 128/2020 aprovada por todos os parlamentares. Nela cobra que a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos proceda com o patrolamento e cascalhamento da Travessa Beira Rio na Gleba Mercedes 5.

“Devido à falta de manutenção por vários anos, os diversos períodos chuvosos que atravessamos e também o alto fluxo de veículos leves e pesados tem danificado a via em questão. Há inúmeros buracos e desníveis que colocam em risco a vida dos condutores que fazem uso diário dela”, justificou. Fonte: Roneir Corrêa.

Leonardo Visera fala em seu instagram sobre descoberta dos valores das placas de transito em Sinop/MT

O vice-presidente do legislativo de Sinop, vereador Leonardo Visera (Patriota), criticou A contratação de uma empresa de Goiás para instalação de placas de identificação no município. Em seu instagram, ele deu mais detalhes sobre os reais valores das placas.

“A Secretaria de Trânsito e Transportes Urbanos contratou uma empresa de Goiás para fornecer placas de trânsito no valor de R$ 3.300,00 cada. Em um orçamento feito por mim, em uma empresa de Sinop, a mesma placa sairia por cerca de R$ 1.800,00 ou seja, quase a metade do valor”, disse em seu perfil oficial.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here